Osasco

Chuva forte e córrego transbordando em São Paulo

Conteúdo exclusivo:
  Fact-checking   Autentic   DMCA   Report

Ainda chove, ainda que fracamente, no noroeste da região metropolitana de São Paulo, como entre Cotia, Embu Guaçu, Santana de Parnaíba, Osasco, Itapevi, Santana de Paranaíba e em bairros das zonas sudoeste e noroeste da cidade de São Paulo, segundo imagens de radar meteorológico, por volta das 17h20 deste sábado, 31 de dezembro.

As chuvas mais intensas neste mesmo período ocorrem nas regiões de Ourinhos, Bauru, Campinas, ao sul da região de São Carlos, como mostra a imagem abaixo.

Imagem da chuva em tempo real, por imagem de radar. Fonte: Climatempo

A chuva, neste último dia de 2022, começou em pontos isolados do norte e sul da Grande São Paulo no final da manhã, mas foi no meio da tarde que a chuva ganhou força na região, e por volta Às 15h, a chuva já era moderada a forte na zona sul, sudeste, centro e parte da zona leste e norte da cidade de São Paulo, bem como nas regiões de Itapevi, Osasco, Cotia, em Suzano, Mogi das Cruzes e Biritiba Mirim, todas associadas ao calor, à Zona de Convergência do Atlântico Sul (ZCAS) e à entrada da brisa marítima.

Os volumes de chuva foram altos nas zonas leste e sul da capital paulista e variaram entre 30 e 57mm em 24 horas, com a maioria registrada entre 10h e 17h30 do dia 31 de dezembro.

Com o alto volume de chuva hoje e somado ao dos dias anteriores, o transbordamento do Córrego Gamelinha na Rua Joaquim Marra e Avenida Conde de Frontin, na região da Penha – zona leste da cidade de São Paulo, entre 2 Horários: 30h e 14h55, segundo dados da Prefeitura de São Paulo (Centro de Gestão de Emergências Climáticas da Prefeitura de São Paulo).

Além desse transbordamento, na tarde de hoje houve um iminente transbordamento do Córrego Morro do S, na altura da Avenida Carlos Caldeira Filho x Rua Túlio Mugnaini, no Campo Limpo, zona sul, segundo dados também do São Prefeitura Municipal de Paulo.

Bairros da zona leste da cidade de São Paulo registraram mais de 40 mm neste sábado (31/12)

Somente na região de Itaquera, foram registrados 57,4 mm neste sábado (31/12/22), entre 10h e 17h30 de hoje, na estação Rio Aricanduva (na Av. Itaquera), além de 43 mm (na mesmo período) no Córrego Rincão, no Montante do Piscinão, também na zona leste, e o 39,6mm no Córrego Pirajuçara, no Agudo Campo Limpo, na zona sul da cidade de São Paulo, segundo dados da cidade de São Paulo.

Na outra estação da prefeitura de SP, foram 49,0mm de chuva em 24 horas (entre 17h23 de 30/12 e 31/12) na região de Aricanduva, na Vila Formosa e 43mm na Penha, ambas na zona leste, e o de 36mm em Cidade Líder, segundo dados do Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (CEMADEN). Ressaltando que grande parte da chuva foi registrada neste sábado.

Precipitação acumulada entre 17h23 do dia 30/12 e 17h23 do dia 31/12/2022. Fonte: Prefeitura de São Paulo.

Precipitação acumulada entre 17h23 do dia 30/12 e 17h23 do dia 31/12/2022. Fonte: CEMADEN.

Foram mais de 900 descargas elétricas atmosféricas na cidade de São Paulo no último dia de 2022

Segundo dados da Earth Network, houve um total de 998 descargas elétricas atmosféricas na cidade de São Paulo, entre 12h e 16h do dia 31 de dezembro de 2022, sábado, com 355 descargas atmosféricas, que são descargas elétricas atmosféricas que são entre as nuvens e o solo.

Previsão para os primeiros dias de janeiro de 2023 no estado de São Paulo

No primeiro dia do ano de 2023, todo o estado de São Paulo terá durante a tarde e a noite. A chuva será mais forte durante a tarde e início da noite nas regiões de Araçatuba, São José do Rio Preto, Franca, Barretos, Ribeirão Preto, São Carlos, Campinas, Vale do Paraíba, Jundiaí, Sorocaba, Itapetininga, Bauru, Marília, Grande São Paulo, todo o litoral, Serra do Mar. Há risco de enchentes, transbordamento de rios e rajadas de vento nessas áreas, além da possibilidade de granizo nesses locais.

Ressalte-se que os temporais mais fortes e os maiores acumulados serão registrados em áreas mais próximas de Minas Gerais, como nas regiões de Franca, Barretos, Ribeirão Preto, Campinas e no Vale do Paraíba, mas danos por instabilidades não estão descartados em outras áreas da região. Antes de chover faz calor em todas as regiões e durante chuvas fortes a velocidade do vento pode variar em média entre 50 e 70km/h, podendo ultrapassar este valor.

A maior parte das chuvas se deve ao calor, à alta umidade e à borda do Vórtice Ciclônico nos níveis atmosféricos médio e superior (VCAN).

E nas primeiras horas do dia 1º de janeiro de 2023, pode haver neblina a neblina úmida em parte do estado de São Paulo, como nas regiões de Ribeirão Preto, Itapeva, Sorocaba, Campinas, Metropolitana de São Paulo, no Vale do Paraíba.

Atenção para as fortes chuvas e aumento dos temporais na primeira semana de 2023, com destaque para o acumulado de mais de 100mm tanto na capital paulista quanto no estado de São Paulo como um todo, para conferir mais detalhes da previsão do tempo. nova semana veja: Aumento das chuvas no Sudeste e Centro-Oeste na 1ª semana de 2023

—————-


PlanetaOsasco.com – Via observatório CMIO

Conteúdo inspirado ou obtido por RJ983 nesta fonte.

Declaração DMCA para este conteúdo disponível no menu superior.
Conteúdo apontado como verificado e procedente por CMIO.

Disclaimer – (English version>) This content has been prepared based on information from research, additional publications, or the translation/verification work of a volunteer editor of this web council. This is a non-profit service. It is strongly recommended that all details and information published be carefully verified. We never allow medication recommendations, medication package inserts or any medication guidance. We never allow partisan politics as information.

Isenção de responsabilidade – (versão em português): Este conteúdo foi preparado com base em informações de pesquisas, publicações adicionais ou no trabalho de tradução/verificação de um editor voluntário deste conselho web. Este é um serviço sem fins lucrativos. É altamente recomendável que todos os detalhes e informações publicadas sejam verificadas cuidadosamente. Nunca permitimos recomendações de medicamentos, bulas ou qualquer orientação sobre medicamentos. Nunca permitimos a política partidária como base para checagem. Para mais informações, leia nossos termos.

  Fact-checking   Autentic   DMCA   Report
Mostrar mais

CORE

Conselho de Mídia Independente - Grupo independente, de atuação jornalística; baseado em SP. Replica e elabora conhecimentos e assuntos de utilidade pública.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Adblock Detectado.

Desative seu AdBlock para poder acessar o conteúdo gratuito.