Observatório

Exportações no estado de São Paulo ultrapassam a marca de US$ 75 bilhões em 2023

Importações de São Paulo no ano de 2023 apresentaram um montante de produtos com valor de US$ 71,5 bilhões

A Fundação Seade divulgou os dados sobre importação e exportação do estado de São Paulo referentes ao ano de 2023. O estado paulista exportou um total de US$ 75,5 bilhões para 232 países, o que corresponde a 22,3% do volume exportado em todo o Brasil no ano passado. Deste montante, US$ 17,1 bilhões foram para países participantes do Tratado Norte-americano de Livre-comércio (NAFTA), US$ 6,4 bilhões para a União Europeia e US$ 2,2 bilhões para o Mercosul.

A Ásia (excluindo-se Oriente Médio), comprou US$ 20,2 bilhões em produtos paulistas; a América do Sul, US$ 8,5 bilhões; a América do Norte, US$ 17,1 bilhões; a África, US$ 4,2 bilhões; a América Central e o Caribe, US$ 1,7 bilhão, a Europa, US$ 8,1 bilhões; e a Antártica, US$57,6 mil.

É o terceiro ano de crescimento consecutivo nas exportações, após queda registrada em 2020 (46,6 bilhões de dólares), quando o valor das exportações atingiu o número mais baixo da série desde 2012. No comparativo de 10 anos, o valor das exportações no Estado de São Paulo cresceu 21%, considerando que em 2013 o montante registrado foi de US$ 62,4 bilhões.

A Região Metropolitana de São Paulo (RMSP) alavancou as exportações, respondendo por 21,7% de participação no volume total, seguida da região de Campinas, com 18,3%, São José dos Campos, com 14,7% e Santos, com 11,7%.

Entre os produtos mais exportados, destacam-se açúcares e produtos de confeitaria (US$ 10,1 bilhões), combustíveis e óleos minerais (US$ 9,1 bilhões) e reatores nucleares, caldeiras e máquinas (US$ 8 bilhões).

Importações em queda

As importações do estado de São Paulo no ano de 2023 apresentaram um montante de produtos com valor de US$ 71,5 bilhões, correspondente a 29,8% das importações do Brasil.

O bloco econômico da União Europeia comercializou para o estado paulista o valor de US$ 10 bilhões; os países do Tratado Norte-americano de Livre-comércio (NAFTA), US$ 15,5 bilhões; o Mercosul e US$ 711,5 milhões.

Entre as regiões do Estado de São Paulo, a que mais importou foi a Região Metropolitana de São Paulo (US$ 26,1 bilhões), seguida de Campinas (US$ 24,9 bilhões), da região de São José dos Campos (US$ 8,7 bilhões) e da região de Sorocaba (US$ 4,9 bilhões).

Em comparação com o ano anterior, as importações recuaram em 12%, considerando que em 2022 essa atividade respondeu pela movimentação de US$ 81,3 bilhões.

Metodologia

As estatísticas de comércio exterior são elaboradas com base em dados de natureza administrativa e aduaneira, extraídos do Sistema Integrado de Comércio Exterior – Siscomex e do Portal Único de acesso às estatísticas de comércio exterior, conjunto de informações oficiais que gerencia as exportações e importações brasileiras. Nesses sistemas, os dados são declarados pelos exportadores e importadores para compor os registros oficiais.

O método de apuração das informações de exportação e importação por município segue o critério de domicílio fiscal do exportador/importador. A contabilização se dá, portanto, no município em que se localiza a empresa que realizou a exportação ou importação, independentemente de onde foi produzida (no caso das exportações) ou para onde foi destinada (no caso das importações) a mercadoria.

Por exemplo, a exportação de componentes automotivos, produzidos no município A informada pelo exportador sediado no município B é contabilizada neste último. Os dados das regiões referem-se à soma das exportações dos municípios e, portanto, também seguem o critério de domicílio fiscal.

Mais informações sobre o levantamento em: https://painel.seade.gov.br/comercio-exterior-esp/

Sobre o Seade
Há mais de 40 anos, o Sistema Estadual de Análise de Dados é referência nacional na produção e disseminação de análises e estatísticas socioeconômicas e demográficas do Estado de São Paulo.

Conteúdo Oficial – Gov SP

Concorra a prêmios surpresas ao fazer parte de nossa newsletter GRATUITA!

Quando você se inscreve na nossa newsletter participa de todos os futuros sorteios (dos mais variados parceiros comerciais) do PlanetaOsasco. Seus dados não serão vendidos para terceiros.

PlanetaOsasco.com

Matheus V.

Verifico e produzo notícias de Osasco, Barueri e região, monitoro o portal da transparência da cidade e faço checagem de licitações e compras públicas.

Artigos relacionados

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Botão Voltar ao topo
0
Queremos saber sua opinião sobre a matériax