Destaques

CPI da Pandemia aprova quebra de sigilo de Pazuello e Ernesto Araújo

Os ex-ministros Eduardo Pazuello, da Saúde, e Ernesto Araújo, das Relações Exteriores, terão os sigilos telefônico e de dados quebrados. A aprovação dos pedidos foi feita durante a reunião da CPI da Pandemia nesta quinta-feira no Senado.
Também terão quebra de sigilo a médica Mayra Pinheiro, e o ex-secretário executivo do Ministério da Saúde, Antônio Élcio Franco, que já depuseram na CPI. E de outros que ainda não prestaram depoimento, como o ex-assessor da presidência da república Filipe Martins. A medida se estende ainda ao empresário Carlos Wizard, à coordenadora do Programa Nacional de Imunização, Francieli Fantinato, e ao auditor do Tribunal de Contas da União, Alexandre Figueiredo Marques.
Na sessão, foi aprovada também a convocação para depor do ministro da Controladoria-Geral da União, Wagner Rosário. Também foram convidados – quando não é obrigatório comparecer –  o presidente do Conselho Nacional de Saúde, Fernando Pigatto; e  um representante do Conselho Nacional dos Secretários de Saúde, com nome a ser definido.
Nessa sessão estava previsto o depoimento do governador do Amazonas, Wilson Lima. Mas ele foi autorizado a não comparecer, por decisão da ministra Rosa Weber, do Supremo Tribunal Federal. O presidente da CPI, senador Omar Aziz, disse que respeita a decisão, mas que o Senado vai recorrer. Senadores lamentaram a ausência do governador. Como Eduardo Braga, que também já esteve à frente do governo do Amazonas.
Os senadores também debateram sobre a possibilidade do habeas corpus dado a Wilson Lima abrir um precedente para os outros nove governadores convocados. São eles: Helder Barbalho, do Pará; Carlos Moisés e sua vice, Daniela Reinehr, de Santa Catarina; Antonio Almeida, de Roraima; Waldez Góes, do Amapá; Marcos Rocha, de Rondônia; Ibaneis Rocha, do Distrito Federal; Mauro Carlesse, do Tocantins; Wellington Dias, do Piauí e Wilson Witzel, ex-governador do Rio de Janeiro.
Nesta sexta-feira, a CPI da Pandemia vai ouvir a microbiologista Natalia Pasternak e o médico sanitarista Cláudio Maierovitch.

Concorra a prêmios surpresas ao fazer parte de nossa newsletter GRATUITA!

Quando você se inscreve na nossa newsletter participa de todos os futuros sorteios (dos mais variados parceiros comerciais) do PlanetaOsasco. Seus dados não serão vendidos para terceiros.

PlanetaOsasco.com

planeta

O PlanetaOsasco existe desde 2008 e é o primeiro portal noticioso da história da cidade. É independente e aceita contribuições dos moradores de Osasco.

Artigos relacionados

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Botão Voltar ao topo
0
Queremos saber sua opinião sobre a matériax