Destaques

Cresce número de novas empresas nos primeiros quatros meses do ano

Apesar da pandemia da Covid-19, o Brasil teve saldo positivo na abertura de empresas. Foram mais de 68 mil novas empresas nos primeiros meses deste ano. O número representa um crescimento de 1,2%, se comparado aos quatro últimos meses de 2019.

Os dados são do Mapa Empresarial, divulgado pelo Ministério da Economia e que contempla o período de janeiro a abril de 2020. O Secretário Especial Adjunto de Desburocratização, Gestão e Governo Digital, Gleisson Rubin, explica o porquê do boletim ser dividido em quadrimestres.

No final de abril, o número de novos empreendimentos teve uma redução de quase 31%, se comparado à quantidade de empresas abertas em março. Ainda assim, Gleisson Rubin avalia que houve uma evolução positiva em relação a abertura de empresas. Os empreendedores que mais abriram negócios no primeiro quadrimestre deste ano foram salões de beleza, comércio varejista de vestuário e acessórios, o setor de vendas, obras de alvenaria e ramo alimentício destinado ao consumo domiciliar.

Em contrapartida, alguns desses setores também foram o que mais fecharam as portas.  Entre eles, o comércio varejista de vestuário e acessórios, o de promoção de vendas, e o de salões de beleza, que englobam categorias como cabeleireiro, manicure e pedicure, além de lanchonetes, casas de chá, sucos e similares. O Secretário de Tecnologia da Informação e Comunicação, Luis Felipe Monteiro, destaca que mesmo com a pandemia, abril teve o menor índice de fechamento dos últimos quatro anos.

Os estados que tiveram maior número de empresas abertas em relação ao terceiro quadrimestre do ano passado são: Mato Grosso, Pará, Rondônia, Roraima e Paraná. Já Piauí, Santa Catarina, Goiás, Mato Grosso e Amazonas foram os estados brasileiros que mais encerraram formalmente empresas nesse mesmo período. Outro dado apresentado foi a redução do tempo para se abrir uma empresa.

Com a desburocratização dos processos, empresários conseguem iniciar atividades num prazo médio de três dias e 21 horas. Esse tempo, no entanto, é contado em dias corridos e não leva em consideração o período dado para que os empreendedores resolvam eventuais pendências.

Concorra a prêmios surpresas ao fazer parte de nossa newsletter GRATUITA!

Quando você se inscreve na nossa newsletter participa de todos os futuros sorteios (dos mais variados parceiros comerciais) do PlanetaOsasco. Seus dados não serão vendidos para terceiros.

PlanetaOsasco.com

planeta

O PlanetaOsasco existe desde 2008 e é o primeiro portal noticioso da história da cidade. É independente e aceita contribuições dos moradores de Osasco.

Artigos relacionados

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Botão Voltar ao topo
0
Queremos saber sua opinião sobre a matériax