Observatório

Lote Litoral: ligação entre Bertioga e Guarujá será duplicada e terá 36 km de ciclovias

O trecho da SP-055 que liga Bertioga ao Guarujá, no litoral sul de São Paulo, será totalmente duplicado e ganhará 36 km de ciclovias com a concessão do Lote Litoral de rodovias.

O consórcio Novo Litoral, liderado pela Companhia Brasileira de Infraestrutura (CBI), venceu o leilão internacional realizado nessa terça-feira (16), na sede da B3, a Bolsa de Valores de São Paulo. O grupo propôs desconto de 10,17% sobre a contraprestação pública máxima de R$ 199 milhões por ano a ser paga pelo Estado.

Com um prazo de 30 anos, a concessão de 213 quilômetros de vias prevê investimentos de R$ 4,3 bilhões para a realização de intervenções estruturais e melhorias nas rodovias SP-055 (Rodovia Padre Manuel da Nóbrega), SP-088 (Mogi-Dutra) e SP-098 (Mogi-Bertioga).

Ao todo, a concessão prevê 36,7 km de duplicação entre Bertioga e Santos, além da construção de ciclovia, duas novas passarelas para pedestres e sete dispositivos em desnível, facilitando os acessos aos municípios. Também serão instalados 2,8 km de novas marginais no trecho. Outros 3 km serão recuperados.

Praia Grande-Peruíbe

Já a ligação entre Praia Grande e Peruíbe, na SP-055, terá 33 km de ciclovia. O foco das intervenções nesse trecho, no entanto, será nas marginais, utilizadas pela população para o acesso aos municípios da região, que são cortados pelas rodovias.

“Tem cidades ali, como Praia Grande, Mongaguá, Itanhaém e Peruíbe, em que uma parte fica do lado litoral e outra do lado serra, então todo mundo utiliza os retornos para cruzar a cidade de um lado para o outro. Vamos colocar marginais nesse trecho inteiro, com diversos dispositivos em desnível para garantir essa conexão dos dois lados das cidades”, explica a Diretora Econômico Financeira da Companhia Paulista de Parcerias, Raquel França Carneiro, ressaltando que as marginais do trecho não terão cobrança de tarifa. O pagamento será feito somente no eixo principal da rodovia.

Serão quase 100 km de requalificação de marginais na região, incluindo pavimentação de trechos em terra, iluminação, sinalização e calçamento. Outros 9 km de marginais serão construídos e sete dispositivos em desnível serão instalados. Em relação a passarelas para pedestres, sete serão construídas e 26, recuperadas.

Já o trecho entre Peruíbe e Miracatu ganhará 4,4 km de ciclovias e será totalmente duplicado. As obras ainda vão contemplar a recuperação de marginais e a construção de seis novas passarelas.


Oportunidades de R$ 220 bilhões

O Governo de São Paulo tem previsão para 13 projetos em leilões ao longo de 2024. O primeiro deles foi o Trem Intercidades (TIC) Eixo Norte, realizado em fevereiro, que vai ligar a cidade de São Paulo a Campinas. A carteira de projetos de concessões, desestatizações e parcerias da atual gestão estadual é estimada em mais de R$ 220 bilhões em capital privado, com 20 projetos qualificados e a previsão de 44 leilões até o final de 2026.

Conteúdo Oficial – Gov SP

Concorra a prêmios surpresas ao fazer parte de nossa newsletter GRATUITA!

Quando você se inscreve na nossa newsletter participa de todos os futuros sorteios (dos mais variados parceiros comerciais) do PlanetaOsasco. Seus dados não serão vendidos para terceiros.

PlanetaOsasco.com

Matheus V.

Verifico e produzo notícias de Osasco, Barueri e região, monitoro o portal da transparência da cidade e faço checagem de licitações e compras públicas.

Artigos relacionados

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Botão Voltar ao topo
0
Queremos saber sua opinião sobre a matériax