Destaques

Governo japonês apresenta no Brasil sistema de alerta de desastre

O governo japonês apresentou, na tarde de hoje (6), um sistema de alerta para a população em casos de desastre. A apresentação foi feita pelo diretor de sistemas de engenharia da NHK, Yasuji Sakaguchi, no auditório da Empresa Brasil de Comunicação (EBC). A NHK é a televisão pública do Japão. O sistema apresentado emite um alarme, que é disparado nas televisões, alertando as pessoas sobre algum desastre iminente ou já em curso.
“Este sistema trabalha com sistema de radiodifusão, que tem uma cobertura ampla e confiável. Então você pode mandar mensagens de emergência de maneira muito simples e eficiente. Mesmo no momento do desaste a informação pode ser entregue para as pessoas de forma segura e confiável”, disse Sakaguchi.
De acordo com Sakaguchi, o sistema utiliza o sinal de TV digital e pode ser instalado também em locais de grande concentração de pessoas, como no metrô ou em shoppings. O Japão, que sofre constantemente com terremotos de diferentes escalas, usou o sistema por muito tempo. Agora, utiliza um sistema mais avançado, de alerta por rede de telefonia celular.
“O sistema de radiodifusão não é mais tão popular no Japão, mas muitos países da América Latina usam o padrão japonês por televisão digital”, disse o diretor da estatal japonesa. Segundo ele, 14 países da América Latina usam o sistema de alerta em massa.
Sakaguchi fez a demonstração para o presidente da EBC, Luiz Carlos Pereira Gomes, e para diretores da empresa. Na próxima semana, a expectativa é mostrar o sistema para representantes do Ministério de Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações. A ideia do governo japonês é oferecer o sistema para o Brasil.
O sistema pode ser usado em desastres como incêndios e alagamentos, mas também é eficiente para tragédias maiores, como acidentes em usinas nucleares e rompimento de barragens. “Nesses casos, como rompimento de barragem, como ocorreu em Brumadinho e Mariana, onde as pessoas precisam ser alarmadas, é possível usar a TV digital para disparar esse tipo de alarme”, disse Heitor de Castro, da Diretoria de Operações, Engenharia e Tecnologia da EBC.
Edição: Fábio Massa

Concorra a prêmios surpresas ao fazer parte de nossa newsletter GRATUITA!

Quando você se inscreve na nossa newsletter participa de todos os futuros sorteios (dos mais variados parceiros comerciais) do PlanetaOsasco. Seus dados não serão vendidos para terceiros.

PlanetaOsasco.com

planeta

O PlanetaOsasco existe desde 2008 e é o primeiro portal noticioso da história da cidade. É independente e aceita contribuições dos moradores de Osasco.

Artigos relacionados

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Botão Voltar ao topo
0
Queremos saber sua opinião sobre a matériax