Destaques

Rio de Janeiro atingiu um terço da meta de vacinação contra o sarampo

Não é só o coronavirus que preocupa as autoridades de saúde do Rio de Janeiro. No último dia da campanha contra o sarampo, o estado vacinou apenas um terço da meta, que era de 3 milhões de pessoas. Sendo assim, dois milhões de fluminenses ainda precisam ser imunizados contra a doença para que o estado possa ser considerado protegido. Somente este ano, foram registrados 276 casos de sarampo em 18 municipios do estado, e um bebê se tornou a primeira vítima fatal da doença em 20 anos.

A quantidade de notificações nestes primeiros meses do ano já é mais que a metade de todos os 470 casos registrados em todo o ano passado, e o secretário de Saúde do estado, Edmar Santos, alerta que isso pode piorar.

Apesar da campanha ter se encerrado, a vacina continua disponível nos postos de saúde e pode ser tomada por todas as pessoas com 6 meses de idade, até os 59 anos, exceto gestantes.

O sarampo é uma doença altamente contagiosa, transmitida por meio da fala, da tosse e do espirro. Os principais sintomas são mal-estar geral, febre, manchas vermelhas que aparecem no rosto e vão descendo por todo o corpo, tosse, coriza e conjuntivite.

Concorra a prêmios surpresas ao fazer parte de nossa newsletter GRATUITA!

Quando você se inscreve na nossa newsletter participa de todos os futuros sorteios (dos mais variados parceiros comerciais) do PlanetaOsasco. Seus dados não serão vendidos para terceiros.

PlanetaOsasco.com

planeta

O PlanetaOsasco existe desde 2008 e é o primeiro portal noticioso da história da cidade. É independente e aceita contribuições dos moradores de Osasco.

Artigos relacionados

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Botão Voltar ao topo
0
Queremos saber sua opinião sobre a matériax