Destaques

Serpro promove concurso de programação sobre covid-19

Tem início hoje (15) o HackSerpro, maratona de programação promovida pelo Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro). O concurso vai até a próxima segunda-feira (22) e reúne profissionais com o objetivo de construir soluções tecnológicas para a redução dos impactos causados pela pandemia do novo coronavírus.
O desafio reúne pessoas de diversas áreas. A inscrição já foi encerrada e agora as equipes participantes têm uma semana para desenvolver uma aplicação tecnológica voltada aos objetivos do hackaton.
Os vencedores receberão R$ 10 mil. A equipe vice-campeã vai ganhar prêmio no valor de R$ 7,5 mil e a terceira colocada ficará com R$ 5 mil.
Os programas devem contribuir para mitigar as consequências da pandemia nas frentes econômica (envolvendo mercado de trabalho, indústria, comércio e serviços) e social (abarcando iniciativas em áreas como saúde, meio ambiente, mobilidade, educação e cultura).
A maratona também contará com palestras ao longo da semana. As atividades vão abordar temas distintos, como entrega de valor em tempos de pandemia, transformação digital e empreendedorismo e inovação em saúde no contexto da pandemia.
Cada equipe deverá publicar um vídeo de até seis minutos na plataforma Youtube até as 12h da próxima segunda-feira (22). As propostas na forma de vídeo devem explicar a solução, o público-alvo ao qual é destinada, o modelo de negócio e o diferencial competitivo da alternativa.

Concorra a prêmios surpresas ao fazer parte de nossa newsletter GRATUITA!

Quando você se inscreve na nossa newsletter participa de todos os futuros sorteios (dos mais variados parceiros comerciais) do PlanetaOsasco. Seus dados não serão vendidos para terceiros.

PlanetaOsasco.com

planeta

O PlanetaOsasco existe desde 2008 e é o primeiro portal noticioso da história da cidade. É independente e aceita contribuições dos moradores de Osasco.

Artigos relacionados

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Botão Voltar ao topo
0
Queremos saber sua opinião sobre a matériax