Observatório

Polícia Civil Prende Casal Acusado de Praticar Golpe do Amor Após Investigação

Após investigação, Polícia Civil prende casal suspeito de aplicar golpe do amor em Osasco

As vítimas, escolhidas em aplicativo de namoro, eram mantidas em um cativeiro. Membros da quadrilha utilizavam fotos de modelos para criar perfis falsos nas redes sociais e atrair pessoas

Investigadores da Polícia Civil de Osasco prenderam, em flagrante, um casal acusado de integrar uma quadrilha que mantém homens reféns para realizar transferências bancárias. As vítimas eram atraídas por meio de um aplicativo de namoro, no crime que ficou popularmente conhecido como “golpe do amor”.

A quadrilha passou a ser investigada após câmeras do circuito de segurança de uma residência terem registrado o sequestro de um piloto. A vítima tentou reagir ao perceber que o encontro era um golpe, mas acabou sendo imobilizada e agredida.

Segundo informações da polícia, a suspeita, identificada como Beatriz, de 23 anos, era responsável por movimentar o dinheiro da quadrilha. Ela também tinha o papel de atrair às vítimas para os falsos encontros. A jovem não utilizava a própria foto, mas sim fotos de modelos.

Caso sob investigação policial
Após serem rendidas, as vítimas permaneciam por até três dias com os suspeitos, ou seja, até o momento em que os criminosos conseguissem efetuar todas as transferências bancárias possíveis. O namorado de Beatriz, identificado como Erick Henrique, também foi preso por suspeita de integrar o grupo criminoso.

Na casa de Beatriz foram apreendidos celulares e uma máquina de cartão. A Polícia suspeita que o bando realizava de dois a três sequestros por semana, e ainda não sabe quantas vítimas e nem o valor total que foi subtraído.

Os policiais do 10º Distrito Policial de Osasco seguem com as investigações para identificar os demais integrantes, bem como localizar as pessoas que emprestaram contas bancárias para receber o valor roubado das vítimas, os famosos laranjas.

FONTE GIRO S/A

Link original – Este conteúdo foi publicado inicialmente nas redes sociais – IMG rede social

Aviso: este conteúdo foi publicado na editoria observatório da cidade e foi obtido com base em publicação em redes sociais. O Observatório de Mídia Independente de Osasco não realizou a apuração independente deste conteúdo e o apresenta na forma que foi publicado a título de registro histórico, tal como “Wayback Machine” internacional. Por ser um sistema experimental, para solicitar a remoção do conteúdo aberto nas redes, você deve entrar em contato com o autor da publicação; Para remover do Observatório ou solicitar correções e erratas, acione nosso contato.

Nomes próprios e eventuais exposições de pessoa pública -ou não- são suscetíveis a exclusão automática do sistema. Não armazenamos as imagens nem o conteúdo, sendo apenas uma ferramenta tecnológica de ‘grabber content’ cuja curadoria é de responsabilidade da rede social na qual a publicação foi realizada. Os comentários não são armazenados localmente.

Concorra a prêmios surpresas ao fazer parte de nossa newsletter GRATUITA!

Quando você se inscreve na nossa newsletter participa de todos os futuros sorteios (dos mais variados parceiros comerciais) do PlanetaOsasco. Seus dados não serão vendidos para terceiros.

PlanetaOsasco.com

Albino S.

Acompanho e apuro informações e publico notícias de Carapicuíba e região.

Artigos relacionados

Subscribe
Notify of
guest
2 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Leonel Caslu

E o caso de um inocente que está sendo acusado de sequestro ???! Oque vcs aí da página diriam ???

Paula Do Valle Bargieri

😮

Botão Voltar ao topo
2
0
Queremos saber sua opinião sobre a matériax